Follow by Email

quinta-feira, 15 de outubro de 2015

Calma gente! Eu vivo!

Opaaaaa... Eu nao esqueci do blog gente...
Nesses últimos meses não aconteceu nada de mais, até semana passada...
Uma rádio da França entrou em contato comigo através do blog para dar uma entrevista sobre perda do olfato. Fiquei muito feliz!!!

Confira a matéria nesse link:
http://www.brasil.rfi.fr/ciencias/20151014-mais-de-10-da-populacao-vive-sem-sentir-odores

Também dá pra escutar a matéria pelo site. É só clicar em "ouvir" e esperar carregar! ;)

O especialista também deu várias dicas legais e que vocês podem colocar em prática quando sentirem qualquer diferença no olfato.

Ah! A matéria está toda em português, ok? Hahahaha...

Espero que gostem!
Beijos e até mais!

10 comentários:

  1. Oi Ju! Também perdi o olfato, só que no meu caso usei o remédio Hidrocin no nariz conforme o médico me receitou, senti queimando tudo na face e no outro dia acordei sem sentir cheiro de nada, hoje já faz dois meses, já fui em vários médicos e eles falam que pode voltar. Mas percebo que eles não tem muita experiência nesses casos, não consigo comer carne, chocolate café nada com morango, tudo tem gosto horrível, alguns perfumes já consigo sentir o cheiro, outros não, você notou alguma melhora depois do que aconteceu com você?

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Bom dia, Juh, tudo bem com você?
    Venho hoje no seu blog apenas para agradecê-la.

    Meu nome é Miguel Victor, tenho 21 anos, e há um mês atrás peguei uma gripe violenta e alguns dias depois acordei sem sentir o cheiro e o gosto das coisas. Sempre tive sinusite, mas nunca ao ponto de parar de sentir o cheiro de algo ou o sabor de algum alimento. Demorei um pouco para perceber (cerca de umas duas semanas) que esse problema não estava passando. Imediatamente fui na internet atrás de algumas "curas caseiras" para obstrução nasal (meu nariz estava muuuito entupido – estava até com os ouvidos “tapados”). Sempre fui muito cauteloso em me automedicar. Acho isso muito sério. Só tomo remédio se for receitado por um médico que tenha me avaliado.
    Pois bem, voltando ao assunto complicado dessa "anosmia"...
    Foi em um desses dias pesquisando sobre "por que não estou sentindo o cheiro das coisas ou o gosto dos alimentos?" que eu encontrei o seu blog e alguns outros poucos sites da internet falando sobre essa tal "anosmia". Destaco que atualmente o assunto carece de informações. Tem pouquíssima coisa na internet. A maioria dos assuntos estão veiculados em sites e materiais técnicos. Quando me dei conta de que estava com anosmia, li vários livros específicos sobre o tema (detalhe: sou graduando de um curso de humanas rsrs). Bem, foi pesquisando que descobri que a doença pode se manifestar de algumas formas diferentes. Em mim, segundo o último médico (o terceiro médico que procurei após descobrir que estava acometido pela tal anosmia) que me avaliou, a condição se deu por conta de uma infecção bacteriana desencadeada por um acúmulo de secreção nasal deixado pela gripe que acabou sendo reforçada com uma "mãozinha amiga" da minha sinusite (da qual não vinha me tratando tempos). Bizarro!!! [CONTINUA...]

    ResponderExcluir
  5. [...CONTINUAÇÃO]
    Deixando de arrodeios, só fui procurar um médico porque li seu blog! Acompanhei as postagens, e vi algumas dicas, como "procurar um médico o mais breve possível", não usar esses "sprays nasais sem qualquer orientação médica", etc. Quando cheguei no primeiro clínico geral, este me receitou um antibiótico para tratar da gripe (a pior e mais forte gripe que eu tive - muito carregada de secreções). Terminei de tomar o antibiótico após 10 dias, mas para o meu desespero ainda continuava com o problema. Imediatamente busquei outro clínico geral enquanto ainda não chegava o dia da consulta com meu otorrino (que à data de hoje ainda não aconteceu - muitos estão com agenda lotada nesse final de ano). Este segundo clínico geral então me receitou apenas um medicamento para desobstruir as vias nasais (de nada me serviu). Cerca de uns 04 dias depois fui atrás de um outro clínico geral que foi enviado por Deus! Já estava há um mês com anosmia (temporária já se transformando em crônica, por conta da condição de inflamação que estava meu nariz por dentro, ocasionando agressão direta aos meu nervo olfatório). Este último médico então me explicou tudo o que estava acontecendo em meu nariz, e me passou dois corticoides (um de uso intranasal e outro de uso oral). Ele disse que achava que o problema ia melhorar em breve, pois eu tinha me preocupado com isso no tempo certo (talvez se tivesse deixado para depois, não tivesse mais cura ou tratamento). Ele me orientou que se eu não percebesse qualquer melhora em menos de 10 dias, eu buscasse às pressas qualquer otorrino alegando estado de emergência; pediu para que eu não esperasse por consultas... pois o tempo nessas condições é VALIOSO! Não deixou de me alertar que essa condição podia ser permanente devido à gravidade da infecção. Eis então que, milagrosamente, e graças ao Meu Bom DEUS após apenas duas doses dos corticoides eu já estava sentindo um cheirinho de sabonete no ar. Me animei "pra caramba"! Estava muito triste nos últimos dias. Sempre gostei de perfumes e de comer muitos doces! Já estava perdendo as esperanças. MAS GRAÇAS A DEUS E ÀS SUAS DICAS FIQUEI CURADO A TEMPO! Estou no terceiro dia com o meu olfato de volta.
    Olhava o blog diariamente. Lia comentários de pessoas que também sofrem com o problema, e vivi na pele o que quase todos os visitantes daqui passam. Não é fácil. Me comovi com a história do jovem que se suicidou. Vi pessoas das mais variadas idades que nunca perdem a fé em Deus em obter a cura (tenho certeza que Nosso Senhor está ao lado de cada uma, providenciando o melhor e dando muita assistência e cuidados!).

    Espero, de coração, que todos que passam por essa condição obtenham a cura. Nossa ciência está evoluindo muito, e tenho fé no fato de que a inteligência dada por Deus aos médicos e cientistas da nossa era vai possibilitar em breve um meio de cura para os casos de anosmia permanente!

    (Desculpem pelo grande comentário... rs Ele só não é maior do que a minha gratidão)

    Juh, que Deus a abençoe! MUITO OBRIGADO PELA AJUDA! Mesmo que de forma indireta, você foi fundamental para que eu obtivesse minha cura.

    Muito Obrigado!!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Migueeeeeeellllllll,
      Que demaaaaaiiiisssss!!!!
      Até me emocionei com seu comentário! Demais mesmo!
      Eu preciso dizer isso: GLÓRIA A DEUS pela sua cura genteeee!!!
      Fiquei demais de feliz por saber que ajudei nessa caminhada!
      Agora fez mais sentido ainda ter esse blog!
      Continue se tratando e qualquer novidade quero saber heeeimmm!!!
      Vou fazer um post sobre esse comentário, com certezaaaa!!!!
      Deus te abençoe muuuuuito também!
      Super beijoooo!!!!

      Excluir
    2. Sinta-se mais do que à vontade para fazer um post!!! Seu blog foi o local onde encontrei as informações que levaram à minha cura. A você devo eterna gratidão!

      Excluir
    3. Oi Miguel, boa noite. Me chamo Isabel e sete semana estou com anosmia. Já fui em dois otorrinolaringologistas, que me passaram sores nasal, e 10 dias de antibiótico chamado sinot clav. Os dez dias se passaram e não tive melhora alguma. Li seu comentário e me enchi de esperança. Você poderia me falar quais foram os medicamentos que tomou? Claro que não vou automedicar-me, minha intenção é levar a conhecimento do meu médico para saber se ele pode me prescrever ou não. Por caçoe estou muito desesperada com essa perda de olfato! Me ajuda! Meu zap: +55 21 980137706. Muito obrigada e que Deus te abençoe!

      Excluir
  6. Meu nome é Danielle, tenho 38 anos, e há 1 ano e 9 meses perdi meu olfato.... O que mais me dói, dói muito mesmo é o descaso da minha família perante o meu problema... Tenho dois filhos lindos, de 7 e 4 anos, que são a âncora que me prendem à vida ultimamente!!! Confesso pra vcs que se não fosse a existência desses dois meninos, já teria desistido de viver... Me dói demais ficar sem saber se estou com algum cheiro desagradável, não perdi ainda a minha fé, mas sinceramente, nesses ultimos dias, só tenho vontade de chorar.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Daniiiiiiiii,
      Eu sei exatamente como vc está se sentindo... No começo minha família também não ligava muito, pq pra eles a perda do olfato não é tão grave como a perda da visão ou audição... Mas acontece que é sim! Você perde o prazer de comer, não sente mais o cheiro do marido ou dos filhos... isso nos gera um sentimento de frustação. Eu também só chorava... Cheguei a frequentar rodas de ajuda (tipo um AA, mas com pessoas em depressão, TOC e outros...) O que me ajudou foi Deus, de verdade!
      Com o tempo consegui me adaptar e hoje consigo conviver naturalmente com isso... De vez em nunca eu sinto uma tristezinha, mas entendi que a vida é assim e que no final tudo dá certo!
      Por favor, não se sinta assim e o que precisar me chame aqui ou me mande email - jubs.millan@gmail.com.
      Fique firme e tamo junto nessa!
      Ah! Tente medicinas alternativas como acupuntura e homeopatia... não tentei, mas dizem que pode dar certo!
      Super beijo e Deus abençoe!

      Excluir